A campanha Novembro Azul existe para conscientizar a população – especialmente masculina – para a prevenção e tratamento de doenças masculinas, em particular o câncer de próstata, um dos cânceres com mais ocorrência no mundo. Assim como outros tipos de câncer, a prevenção é uma das melhores maneiras para conseguir um tratamento correto e com chances de cura. No câncer de próstata a prevenção é feita através de dois exames, um exame de toque para identificar alterações de formato e tamanho na próstata; e um exame de sangue que chega a dosagem de Antígeno Prostático Específico (PSA). Caso apresente alguma suspeita, o paciente deve ser encaminhado para fazer uma biópsia da próstata. Somente após esses exames é que um diagnóstico poderá ser fornecido.

Além de todos esses exames, a prevenção deve ser feita através da alimentação. Ter uma alimentação saudável é a chave para ter uma boa saúde, opte por alimentos orgânicos e consuma muitas verduras, frutas e legumes. Mas, consumir coisas saudáveis de vez em quando não vai te deixar livre do câncer, é preciso prestar atenção em que alimentos se deve deixar de comer. Pois existem alguns alimentos que podem causar o câncer se consumidos em excesso ao longo de sua vida.

Alguns alimentos cancerígenos

A farinha, o sal e o açúcar refinado! Os três pós brancos que mais consumimos e que estão presentes na dieta diária do brasileiro médio, são os principais agentes causadores de problemas em seu organismo. A farinha, quando refinada, para se tornar branca do jeito que consumimos, passa por um processo em que os fabricantes adicionam um gás de cloro que é altamente cancerígeno. O açúcar refinado é o principal alimento das células cancerosas. E o sal que está presente em quase todos alimentos, se consumido em excesso, pode lesar a parede estomacal.

Refrigerantes e bebidas diet. Os primeiros, possuem quantidades de sódio que fazem mal à saúde. E os segundos, possuem aspartame, substância considerada cancerígena e que causa defeitos congênitos.

Os campeões: carnes processadas! Salsichas, presunto, salame, peito de peru, bacon e outras alimentos do gênero possuem uma quantidade de nitritos e nitratos a mais que outros alimentos não possuem. E essas substâncias, ao entrarem em contato com nosso estômago, se transformam em nitrosaminas, substâncias mutagênicas.

A alimentação é uma atividade realizada várias vezes ao dia, por isso, não podemos descuidar dela. Além de ser um momento de descontração e nutrição, pode ser também a diferença entre uma vida plena e saudável, ou uma cheia de males e doenças. Da próxima vez que esclher seu prato, pense muito bem no que há ali: ele pode ser sua condenação – ou seu remédio!